Um programa nada legal: fui parar na delegacia! - Reciclar e Decorar - Blog de Decoração, Reciclagem e Artesanato

Um programa nada legal: fui parar na delegacia!

em 30 de setembro de 2010

Como se já não bastassem os dias de cão que estou passando, ontem por volta de 17:50, quando voltava da escola com meu pequeno anjo, um ônibus bateu no meu carro.
Faço o mesmo caminho todos os dias, e sei que naquele cruzamento os motoristas mais engraçadinhos , sem educação, e deficientes cívicos  como aprendi como minha querida amiga Roberta do E isso é glamour? costumam fazer umas "cagadas" para se livrar do trânsito no local. Estava esperta, mas...
A via de 3 faixas é bem sinalizada. Quem está nas faixas centrais e da esquerda seguem o fluxo e quem está na faixa da direita obrigatoriamente deve entrar a direita. Eu estava na faixa central aguardando o sinal abrir quando  o infeliz motorista do ônibus da Viação Silveira ( que encontro quase todos os dias e só faz mer$#$@...no trânsito)  resolveu sair da pista dele que era exclusiva para quem ia virar a direita e resolveu invadir a mesma pista em que eu me encontrava. Conclusão? Ele acabou com a lateral direita do meu carro. Como se não bastasse  desceu do ônibus na maior chuva me xingando de tudo quanto era nome - o que já era esperado de seres deficientes cívicos, que não tem um pingo de respeito pelo próximo e nem pelas leis da sociedade. Eu tirei meu carro do meio da rua e sai do carro para conversar com o motorista.
Fiquei tão nervosa na hora que não consegui falar nada. Também, falar para que? Já que o coitado não ia escutar mesmo... estava tão nervoso com a cagada que fez e que consequentemente poderia perder seu emprego ...eu quase fiquei com dó... mas ter dó de quem faz coisa errada? Passou rapidinho!
Só que o medo tomou conta de mim. O ônibus estava cheio de trabalhadores que ele pegara na empresa que freta o ônibus, e que também começaram a descer do ônibus .... com caras nada simpáticas...eu esperta porque estava com meu filho  entrei no meu carro, liguei para o meu marido e para o meu cunhado que é policial rodoviário, perguntei o que eu fazia. Eles mandaram eu pegar os dados do ônibus, do motorista se possível e ir fazer um boletim de ocorrência, só que pelo horário e como não teve vítima, o boletim só poderia ser feito no dia seguinte.
Pois bem ,hoje por volta de 8:00 fui a 4ª Companhia da PM que meus vizinhos policiais me indicaram para fazer o boletim de ocorrência. Coincidência o motorista do ônibus também estava lá. Rolou um STRESSSSSS, porque ele queria ser o dono da verdade, e jurava de pés juntos que a culpa foi minha não dele, pode? As barbaridades que ele contou não tem limites.... mas ali, cada um tem sua verdade, e o PM escreve aquilo que cada um fala, ou seja duas versões do ocorrido.
Então foi um tanto agitada minha manhã . Um programa nada legal!!
Agora estou mais calma, e o jeito é ir atrás de todo o trâmite do seguro, para arrumar o carro, e  procurar o juizado de pequenas causas, porque não vou deixar quieto. Eu vou querer ser reembolsada do valor que terei que pagar da franquia do meu seguro que é de R$ 1.300,00, porque eu estou certa, e o seguro vai nos ajudar a fazer tudo certinho. Por isso é sempre bom ter um corretor de seguro de confiança. Beijos!
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

5 comentários:

  1. QUE BARRA EM AMIGA, AINDA BEM QUE NÃO MACHUCOU VOCÊ E SEU FILHOTE, DO TAMANHO QUE É UM ÔNIBUS, JÁ PENSOU? TUDO VAI DAR CERTO. BEIJOCAS...

    ResponderExcluir
  2. Ai que dor de cabeça hein Fabiana?
    Acho que o que causa mais revolta é saber que ele fez errado e ele se passar por vítima, isso sobe o sangue, não é mesmo?
    Se você está com a razão amiga, não desista mesmo não.
    bjs e boa sorte.

    ResponderExcluir
  3. Nossa Fabi, que coisa mais chata...Esse dementes do transito andam como se fossem donos da rua, ainda bem que não aconteceu nada com você e seu "anjinho". Mas lute pelos seus direitos, você esta certíssima.

    Bjão

    ResponderExcluir
  4. Fabi de Deus, outro dia aconteceu quase a mesma coisa, como Goiania é habitada por 80% de deficientes cívicos no transito, a batida foi evitada, mas a situação foi a mesmíssima!! E o homi me xingou tb, oras, se vc tá no meio, pode ir para um lado ou outro ou ainda em frente, o cara que tá na direita virar para esquerda cruzando as pessoas é que não dá, mas olha, eu te entendo viu, muito chato mesmo, fora o medo que passamos e as dores de cabeça!! Espero que fique tudo bem!! Beijocas solidárias

    ResponderExcluir
  5. Fabiana,

    Que chato isso, mas você se saiu bem, eu, com certeza, se estivesse sozinha é claro, ou faria o maior barraco e não tirava o carro do lugar até chegar a polícia, ou começava a chorar e também não tirava o carro porque não conseguiria dirigir, rs. Como sou instável.
    Mas você agiu certo, pensou na sua segurança e na do seu filho, soube agir rapidamente e resolveu tudo a contento. Isso é que é mulher porreta.
    Beijos

    ResponderExcluir

Seja sempre bem-vindo(a) ao Blog de Decoração, Reciclagem e Artesanto Reciclar e Decorar!

Dúvidas e sugestões entre em contato pelo e-mail: reciclaredecorar.blog@gmail.com

Inspiração é o que não falta por aqui !